Para os meus amores, em 2020

Meus amores, como vocês cresceram. Na minha cabeça nunca passou como seria ser mãe de um menino de 8 anos, nunca consegui enxergar minha caçula com 5 anos. Era um futuro distante, que eu nem pensava nele. E chegamos nesse exato ponto. Nossa comemorações foram meio diferentes, com menos pessoas, só com parte dos avós. Mas ainda assim comemoramos, porque a vida de vocês é motivo de alegria e festa sempre e não tenho dúvidas que sempre será. Esse ano foi bem estranho, foi triste, cansativo, de renúncias que fomos obrigados a fazer e no meu coração acho que as crianças saíram perdendo muito, muito mesmo. Nem sei como vocês têm conseguido levar tão de boa todo esse tempo dentro de um apartamento. Mas, dentro de todo essa caos e tristeza, fomos privilegiados com um convívio intenso que nunca tivemos e acredito que nunca teremos. 6 meses trabalhando, assistindo aulas, fazendo todas as refeições juntos. Nós quatro com algumas raras visitas e ir à casa da avó. Momentos de estresse tivemos vários, mas tenho certeza que o saldo é positivo e que nunca esquerecemos de todas as piadas internas que apareceram e que só nós achamos engraçadas. Vocês cresceram nesse tempo, é visivel. Na Fernanda principalmente. Quero que vocês sejam felizes, muito felizes e que conheçam Deus verdadeiramente, não só porque ouviram eu e o pai de vocês falarmos. Meu desejo e oração é para que sejam íntimos dEle, que consigam reconhecê-lo em todas as bençãos que temos e até mesmo nas dificuldades; que busquem viver da maneira que Ele quer que vivamos, essa é a receita do sucesso. Sucesso não tem a ver com dinheiro, com diplomas, com morar numa casa legal; embora tudo isso seja incrível e bom, sucesso mesmo é ser aquilo que Deus deseja que vocês sejam. Quero estar sempre por perto, perto mesmo, meu olho enche de lágrima em pensar que um dia vocês sairão de casa e serão felizes meio longe de mim. Sei que é assim, porque eu fiz isso, o pai de vocês também já fez. É a lei natural das coisas, mas sei que o próprio tempo ajustará minhas expectativas e maneira de enxergar tudo. Sejam felizes sempre, meus amores. Comam o que for gostoso, falem as bobeiras que acham engraçado, tenham bom humor, se zoem e se aceitem como são fisicamente (são lindos, é fácil), estudem, leiam, viajem, amem quem está por perto e demonstrem sempre o quanto as pessoas são especiais. Chorem e deem risada. Busquem ser rodeados de amigos que aproximem vocês de Deus, que os divirtam e os completem. Sejam parceiros e amigos entre vocês sempre, como tem sido até aqui. Sempre que oro por vocês, pela nossa família, peço a Deus muito tempo de vida para nós quatro, para que possamos viver tantas e tantas coisas juntos. Mas quero que vocês saibam que meu amor por vocês é …nem dá para dizer como é. É grande, beeeeem grande. Mesmo quando perco a paciência, meu amor continua do mesmo tamanho: beeeeem grande. Estarei sempre aqui, assistindo o filminho da vida de vocês sendo um dos personagens principais. Vocês são de verdade presentes que Deus nos deu e nos emprestou para cuidarmos e darmos o nosso melhor. Saibam e principalmente sintam que são muito amados, por mim, pelo papai e infinitamente mais pelo Deus que criou vocês perfeitamente dentro de mim. Beijos, abraços e chamegos, do jeitinho que eu gosto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s